Gabriel Medina assume a liderança do ranking na França

Courtney Conlogue (USA) , Macy Callaghan (AUS) , Ryan Callinan (AUS) and Julian Wilson (AUS) Finalist of the Quiksilver and Roxy Pro France 2018


Ele tirou a lycra amarela do Jeep Leaderboard de Filipe quando passou para as semifinais e depois foi derrotado pela nota 10 do Julian Wilson campeão na final australiana do Quiksilver Pro

O australiano Julian Wilson conquistou sua segunda vitória na temporada e acabou com a longa série de sete vitórias consecutivas do Brasil no World Surf League Championship Tour 2018. A decisão do Quiksilver Pro France foi australiana como na primeira etapa, com Julian derrotando o convidado Ryan Callinan com a mesma arma que usou para barrar Gabriel Medina com uma nota 10 nas semifinais, o aéreo reverse de backside nas esquerdas de Les Culs Nus. Medina tinha acabado de assumir a liderança na corrida pelo título mundial e agora Julian Wilson entra na briga, já com chances de disputar a lycra amarela do Jeep Leaderboard com ele e Filipe Toledo no MEO Rip Curl Pro, que começa na terça-feira em Portugal. Continue lendo

Link permanente para este artigo: http://www.floripasurfreport.com.br/?p=15711

Courtney Conlogue vence o Roxy Pro France 2018

Courtney Conlogue, Hossegor, France.

Stephanie Gilmore e Lakey Peterson perderam e a decisão do título mundial fica para o Havaí

ROXY PRO FRANCE – No Roxy Pro France, uma convidada igualmente da Austrália também surpreendeu como na competição masculina. A jovem Macy Callaghan entrou no evento para substituir a contundida Silvana Lima, que operou o joelho e só volta a competir em 2019. E ela honrou o convite chegando na final, feito que algumas tops da elite ainda não conseguiram. Na sexta-feira, ela deixou a havaiana Coco Ho nas quartas de final e a também australiana Bronte Macaulay nas semifinais. Continue lendo

Link permanente para este artigo: http://www.floripasurfreport.com.br/?p=15741

Gabriel Medina vencedor do Surf Ranch Pro

Gabriel Medina (BRA) campeão do Surf Ranch Pro.

Filipe Toledo ficou em segundo lugar na segunda vitória seguida de Medina e a sétima do Brasil nas oito etapas do World Surf League Championship Tour 2018 completadas na Califórnia

O Brasil segue fazendo história com mais um feito inédito no World Surf League Championship Tour 2018. Os brasileiros comandaram o show na primeira etapa disputada nas ondas perfeitas criadas por Kelly Slater em Lemoore, no deserto da Califórnia. Gabriel Medina foi o campeão do Surf Ranch Pro e Filipe Toledo ficou em segundo lugar na sétima vitória brasileira consecutiva nas oito etapas da temporada. Foi a segunda seguida de Medina, que diminui a vantagem de Filipe na briga pelo título mundial e agora vem as duas provas da “perna europeia” que ele venceu no ano passado, em outubro na França e em Portugal. Continue lendo

Link permanente para este artigo: http://www.floripasurfreport.com.br/?p=15206

Gabriel Medina é bicampeão no Tahiti Pro Teahupoo 2018

Gabriel Medina (BRA) Winner of the Tahiti Pro 2018 ,Teahupoo, French Polynesia

O campeão mundial repetiu a vitória de 2014 na etapa mais perigosa do World Surf League Championship e assumiu o segundo lugar na corrida do título mundial liderada por Filipe Toledo

O campeão mundial Gabriel Medina conquistou o bicampeonato no Tahiti Pro Teahupoo na sexta vitória consecutiva do Brasil nas sete etapas do World Surf League Championship Tour 2018, completadas neste domingo na Polinésia Francesa. O retrospecto de Medina na bancada mais perigosa do Circuito Mundial é impressionante. A final contra o australiano Owen Wright, que impediu uma decisão brasileira barrando Filipe Toledo nas semifinais, foi a quarta que ele disputou nos últimos 5 anos, desde a vitória sobre Kelly Slater no mar épico de 2014. Com o segundo título num tubo surfado no último minuto, Medina entrou na corrida do título mundial e é o único que brigará pela lycra amarela do Jeep Leaderboard com Filipe Toledo na próxima etapa, o Surf Ranch Pro em setembro na piscina de ondas criada por Slater. Continue lendo

Link permanente para este artigo: http://www.floripasurfreport.com.br/?p=14896

Kanoa Igarashi vencedor do US Open of Surfing 2018


Jadson André parou no defensor do título nas semifinais e o confronto brasileiro das quartas de final não aconteceu, porque Italo Ferreira se contundiu no sábado e é dúvida para o próximo desafio do CT, que começa sexta-feira no Taiti.

O japonês Kanoa Igarashi conquistou o bicampeonato do QS 10000 US Open of Surfing na final com o norte-americano Griffin Colapinto e a californiana Courtney Conlogue bateu a líder do ranking, Stephanie Gilmore, na decisão da sétima etapa feminina do World Surf League Championship Tour. O potiguar Jadson André parou no defensor do título nas semifinais e o confronto brasileiro das quartas de final não aconteceu, porque Italo Ferreira se contundiu no sábado e é dúvida para o próximo desafio do CT, que começa sexta-feira no Taiti. Continue lendo

Link permanente para este artigo: http://www.floripasurfreport.com.br/?p=14699

Stephanie Gilmore vence o Corona Open J-Bay 2018

Stephanie Gilmore com Lakey Peterson

Stephanie Gilmore (AUS) venceu o Corona Open J-Bay, parada número 6 na Championship Tour (CT) da World Surf League (WSL), em quatro até sete pés (1,3 – 2,3 metros) condições nos Supertubos de renome mundial.

Em uma maratona de competições, Gilmore derrotou Lakey Peterson (EUA) na final, Tatiana Weston-Webb (BRA) nas semifinais, Bronte Macaulay (AUS) nas quartas de final e Nikki Van Dijk (AUS) no round 3 para reivindicar a vitória no primeiro evento de CT feminino realizado em Jeffreys Bay em quase 20 anos. Continue lendo

Link permanente para este artigo: http://www.floripasurfreport.com.br/?p=14385